fbpx

Como minimizar os impactos da crise e ter saúde emocional?

Diante da guerra contra o vírus da Covid-19, os profissionais da área da saúde estão na linha de frente da batalha. Ao contrário da maioria, eles não podem seguir a regra de se isolar. Ao contrário, devem enfrentar esse inimigo letal. Mas como ter saúde emocional e saúde comportamental para enfrentar o momento de crise?

Para eles, os impactos da pandemia têm sido fonte de estresse, angústia e esgotamento. Assim, fazem parte da parcela mais vulnerável ao adoecimento emocional. Isso sem contar a saúde física.

Muitos estão vivendo crises de pânico. Outros sofrem com a ansiedade. Há os que têm insônia, dormência corporal, depressão e por aí vai. A princípio, a saída para lidar com tudo isso é o apoio da equipe de trabalho e o pensamento positivo. Isso além da fé de que tudo vai passar.

A técnica de enfermagem Mariane Casumba, por exemplo, trabalha  em contato com os suspeitos da Covid-19 em um dos hospitais  mais bem vistos de Belo Horizonte. Ela afirma que no início da pandemia houve um temor muito grande em relação ao vírus. Em resumo, medo de se contaminar ou transmitir à família. 

Mas, com o passar dos dias,  com a quarentena e as medidas de higiene para a população, a busca pelo atendimento médico diminuiu bastante. Mariane relata que o hospital também tomou todas as medidas para garantir a segurança da equipe de saúde. Exemplo foram o fornecimento de EPIs, estratégias de enfrentamento e também apoio psicológico. 

Essas medidas contribuíram para um sentimento de maior segurança e tranquilidade aos profissionais, dentro do possível.

Práticas para minimizar os impactos da crise e ter saúde emocional

  1. Pausas e intervalos para o descanso. De preferência em um ambiente que proporcione sensação de relaxamento.
  2. Filtre a quantidade e qualidade das informações recebidas. Às vezes, é preciso se desconectar para manter o equilíbrio. 
  3. Procure viver um dia de cada vez e reduzir a ansiedade. A preocupação constante com o futuro auxilia no reconhecimento das conquistas diárias. Este é um grande aliado da resiliência, tão necessária neste momento.
  4. Acolha sua humanidade. Afinal, sentir medo e frustração é humano. Assim como permitir-se sentir alegria mesmo em meio ao caos. Dê lugar às emoções que estão surgindo neste momento e busque ajuda profissional se perceber que está sendo muito impactado pelos sentimentos negativos.
  5. Aproxime-se das pessoas com as quais se importa. Em meio a tantas dificuldades, o apoio de familiares e amigos pode ser uma válvula de escape e fonte de prazer para enfrentar os desafios. 

Importância da saúde emocional

Vivemos um momento sem precedentes. Milhões de pessoas foram obrigadas a mudar de hábitos. Da mesma forma que a se privar de convívio social e a lidar com o novo. Uma delas diz respeito à crise e saúde emocional no trabalho. Como ter saúde mental e comportamental? Como não agir de modo inseguro?

Na MAPA, entendemos saúde emocional como um bem-estar geral e sua avaliação não se reduz apenas a aspectos como ansiedade e estresse. Igualmente, ela também diz respeito a uma análise dos fatores protetivos e de risco que podem afetar em menor ou maior grau a vida do colaborador.

Como preservar a saúde emocional e comportamental

Diante de tantas incertezas e dificuldades, preservar a saúde emocional e comportamental tem sido um desafio diário. Por esse motivo, é importante ouvir seu próprio corpo. Bem como se alimentar bem, dormir e buscar momentos de relaxamento fazendo algo que lhe dê prazer.

Nesse sentido, precisamos cuidar do que irá permanecer após tudo isso passar. Então, busque ânimo para persistir, resiliência para recobrar as forças, equilíbrio e confiança no futuro.

Afinal, cuidar de si é preciso para poder oferecer o máximo de amor, carinho e cuidado aos seus pacientes, familiares e amigos.

Gostou deste conteúdo? Então, acesse nosso blog e leia nossos outros conteúdos sobre crise e saúde emocional.

Fabiana Alves

Psicóloga e Analista Técnica na MAPA

Compartilhe:

Leia em primeira mão

Assine nossa Newsletter

Receba nossas novidades em sua caixa de email. Não enviamos span.

Artigos Relacionados