fbpx

Qual o papel dos recursos humanos na prevenção da Covid 19?

Informação e cuidado são ferramentas cruciais para a Gestão de Recursos Humanos no combate à Covid-19. A princípio, a pandemia, que isolou o mundo, mobilizou diversas instituições no intuito de reduzir os malefícios do vírus. Dentro das empresas, por exemplo, o RH possui papel essencial para divulgar informações. Da mesma forma, como para estimular comportamentos de prevenção entre a equipe.

O que os Recursos Humanos podem fazer?

No intuito de evitar situações de pânico e exclusão, os Recursos Humanos podem adotar ações informativas sobre a pandemia para sanar dúvidas. Por exemplo, e-mails, pôsteres e outros meios de comunicação são úteis e podem facilitar a divulgação dos cuidados em um cenário de pandemia. Para assegurar a integridade da informação, as pesquisas e as consultas referentes à pandemia devem ser feitas em fontes seguras como:

  • Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS);
  • Organização Mundial de Saúde (OMS);
  • Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia (SBPT).

Além disso, os sintomas podem ser um dos principais temas em questão. Nesse sentido, saber sobre eles pode auxiliar a identificar possíveis casos. As pessoas sintomáticas, em quadro clínico comum, podem ter febre, cansaço e tosse seca. Nos quadros mais graves, os sintomas costumam ser febre, pneumonia e dificuldade de respirar. Além disso, pode-se informar as populações mais vulneráveis ao SARS-CoV-2. São elas:

  • Adultos com mais de 60 anos;
  • Pessoas com doenças preexistentes (como diabetes e cardiopatias).

Cuidados básicos

Orientar sobre os cuidados básicos relacionados à higiene coletiva e pessoal é outra medida:

  • Higiene no local de trabalho. Limpar as superfícies das mesas e dos materiais com desinfetantes a base de álcool;
  • Incentivar a limpeza completa das mãos com água e sabão ou com desinfetantes a base de álcool;
  • Incitar a higiene respiratória. Cobrir o rosto ao espirrar ou tossir com toalha de papel (jogá-la no lixo após o uso). Ou cobrir boca e nariz com o cotovelo em caso de não haver lenços descartáveis;
  • Manter-se a um metro de distância dos colegas e outras pessoas.

As máscaras são necessárias para pessoas sintomáticas ou diagnosticadas. Isso pois a máscara não evita a infecção, já que o vírus se transmite pelo ar quando uma pessoa tosse ou espirra. Então, elas devem ser manipuladas adequadamente. Quando preciso, devem ser trocadas a cada 4 horas.

Se houver casos suspeitos ou confirmados de infecção, vale entender se a pessoa infectada esteve presente no local de trabalho nos últimos 14 dias. Se sim, solicitar aos demais  membros da equipe que façam quarentena ou exames preventivos.

Home office é uma opção

O home-office pode ser outro método de trabalho que pode manter a produção e a oferta de serviços. Reduzindo, assim, a possibilidade de infecção entre a equipe. 

Levando em conta os aspectos acima, Os Recursos Humanos possuem papel crucial perante a pandemia. Ao administrar informações sobre a Covid-19 e oferecer métodos de prevenção, as empresas fomentam o movimento de contenção. Os investimentos na segurança e na saúde, então, se apresentam como ações que podem diminuir os efeitos do vírus sobre equipe. Mais ainda sobre a população em geral neste momento de crise.

Por fim, quer saber mais sobre a MAPA? Então, fale com um especialista!

Diego Borelli

Estagiário de Pesquisa e Desenvolvimento

Compartilhe:

Leia em primeira mão

Assine nossa Newsletter

Receba nossas novidades em sua caixa de email. Não enviamos span.

Artigos Relacionados