fbpx

Descubra onde você está errando na gestão de equipes

Você está tentando melhorar a gestão de equipes da sua empresa, mas não está conseguindo alcançar bons resultados? O problema pode estar em alguns erros que são muito comuns na maioria das organizações.

Para que você saiba como resolver esses problemas e não cometer mais erros, conquistando, assim, uma boa gestão de equipes, listamos as principais falhas cometidas pelas organizações, com dicas de como corrigi-las. Não deixe de acompanhar a seguir. Boa leitura!

Não admitir falhas

Uma das principais falhas que ocorrem em uma gestão de equipes é justamente a não admissão da ocorrência de falhas. É preciso ter em mente que cometer erros é algo que está na natureza do ser humano e que, em algum momento de um processo, eles ocorrerão.

A diferença é que um bom gestor de equipes sabe reconhecer e admitir os seus erros, agindo sempre com humildade em relação aos colaboradores e mostrando que está tomando providências para corrigir o que aconteceu de maneira errada.

Quando um gestor insiste em um erro, os seus liderados pensam que ele não considera melhorar os processos produtivos da empresa, o que pode gerar um descontentamento em massa nas equipes.

Não abrir espaço para a criatividade e para a inovação

Para que os funcionários de uma empresa se mantenham motivados, inovar no processo de gestão de equipes é algo fundamental. Por isso, deve ser feito o incentivo à criatividade, para que as pessoas se sintam livres para sugerir melhorias e mudanças no setor em que trabalham.

Por esse motivo, os gestores de equipe que são muito autoritários e que não permitem que os funcionários sejam criativos e deem sugestões para melhorar aquilo que é feito na empresa estão cometendo um erro grave, que pode gerar a insatisfação.

Estabelecer metas inalcançáveis

É claro que as metas são muito importantes para a empresa e um fator fundamental para motivar funcionários, que podem ser premiados quando a equipe atingir um objetivo, como uma quantidade X de vendas ou de produtos produzidos.

No entanto, as metas precisam ser alcançáveis — o que não significa que devem ser fáceis de serem cumpridas. De nada adianta colocar, como meta de produção, um número muito alto, por exemplo. Afinal, os colaboradores saberão que esse número é impossível de se alcançar e poderão, até mesmo, se sentir enganados pela empresa.

Ter uma comunicação deficitária

As empresas precisam enxergar os processos comunicativos como uma via de mão dupla, ou seja, como algo que vai e volta. Isso quer dizer que é necessário trabalhar o feedback no gerenciamento de equipes.

Quando um colaborador levanta uma demanda por meio de um comunicado e não obtém uma resposta, sente-se demasiadamente desvalorizado. Por isso, mesmo que seja necessário dar uma resposta negativa, isso deve ser feito.

Essas são as principais causas que fazem com que as empresas não alcancem bons resultados na gestão de equipes. Você identificou alguma delas em sua organização? Em caso positivo, é importante que isso seja revisto o mais breve possível.

E para que mais pessoas tenham acesso a este conteúdo interessante para as empresas, que tal compartilhar o post em suas redes sociais? Vamos lá!

Equipe MAPA

Time de especialistas da MAPA

Compartilhe:

Leia em primeira mão

Assine nossa Newsletter

Receba nossas novidades em sua caixa de email. Não enviamos span.

Artigos Relacionados