fbpx

5 benefícios de atuar ativamente na resolução de conflitos

Quem já enfrentou algum problema em alguma empresa sabe que o setor de Recursos Humanos tem um papel essencial na resolução de conflitos. Afinal, desentendimentos entre a equipe ou gestores trazem diversos malefícios. Por exemplo, perda de produtividade, baixa motivação, aumento do turnover  e muitos outros. E, claro, o RH é o responsável por atenuar as tensões.

Os gestores de RH devem ficar atentos a esses tipos de ocorrência, buscando sempre por maneiras de solucioná-los e de garantir o bom clima. Entre essas ações está o acompanhamento psicológico dos colaboradores e a sugestão de soluções imediatas.

Para ajudar você a entender melhor o papel da mediação do RH para manter o bom clima organizacional, listamos aqui 5 benefícios fruto da atuação ativa na resolução de conflitos. Continue a leitura e tire suas dúvidas!

1. Retenção de talentos

Reter talentos é um desafio para os gestores de RH que precisam manter no quadro da empresa os funcionários que mais se destacam em suas tarefas. No entanto, é preciso lembrar que nem sempre é um alto salário que segurará um talento.

É nesse contexto que gerenciar conflitos também pode contribuir para que esses perfis não abandonem a companhia. Com essas ações, eles conseguirão se sentir bem, motivados e valorizados em seu local de trabalho.

2. Gestão estratégica

A administração e a comunicação interna são áreas que convergem para o setor de recursos humanos. Isso porque elas demandam ações incisivas, planejadas e estruturadas, com metas e objetivos bem definidos.

Aqui, mediar conflitos também é algo que exige um planejamento que vise a uma gestão estratégica. É preciso despertar esse espírito de otimização na execução de tarefas em todos os funcionários da empresa.

3. Aumento da produtividade

Colaboradores que deixam de lado briguinhas, fofocas e pequenos conflitos internos tendem a aumentar a produção. Além disso, conseguem exercer suas tarefas de forma mais plena e organizada.

Com todas as pessoas tendo um bom relacionamento na empresa, o trabalho em equipe também tende a ser mais produtivo. Isso, por sua vez, evita que erros aconteçam no processo operacional porque alguém deixou de cumprir sua função, por exemplo.

4. Diminuição do turnover

Pode até não parecer, mas grande parte do turnover ocorre pelos conflitos internos. Isso acontece no relacionamento entre chefias e subordinados, um dos casos que mais merece atenção dos recursos humanos.

A rotatividade representa, muitas vezes, prejuízo e perda de tempo para a empresa, Além de arcar com rescisões trabalhistas, ela também precisa dispor de tempo para a seleção e contratação de novos perfis. Com a gestão de conflitos internos, esse problema pode diminuir bastante.

5. Maior integração entre os times

Não se deve forçar a amizade entre a equipe, pois isso é algo que acontece de forma natural. Na verdade, nem sempre as pessoas terão afinidades o bastante para se tornarem amigas. No entanto, o respeito, o coleguismo e o trabalho em equipe devem ser sempre estimulados.

Por isso, a ideia é que a resolução de conflitos também resulte em equipes ou times mais integrados e engajados. Para juntos atingirem resultados positivos, tanto para suas carreiras quanto para a empresa.

Por fim, viu só como a resolução de conflitos apresenta diversas vantagens para as empresas? Então, agora é com você: divulgue este conteúdo nas suas redes sociais e ajude seus colegas gestores a ficarem cientes de todas essas vantagens!

Se preferir, fale com a gente!

Equipe MAPA

Time de especialistas da MAPA

Compartilhe:

Leia em primeira mão

Assine nossa Newsletter

Receba nossas novidades em sua caixa de email. Não enviamos span.

Artigos Relacionados